7 de fevereiro de 2012

Cinco mortos em acidente no mercado de Setúbal


Cinco pessoas morreram esta terça-feira na sequência do desabamento de uma parede das traseiras do edifício do Mercado do Livramento, em Setúbal. O acidente aconteceu pelas 17h15. Um sexto trabalhador das obras de amplicação do espaço comercial foi resgatado por outro colega.

O acidente ocorreu numa parede das traseiras do edifício, situada no Av. Luísa Todi, que está em obras de ampliação. Os corpos dos trabalhadores já foram retirados do local.
No local está a Companhia de Sapadores Bombeiros de Setúbal com dez viaturas e 26 homens e seis ambulâncias e equipas de emergência médica.
O Mercado do Livramento tem estado a ser alvo de obras de requalificação no valor de 3,86 milhões de euros e esteve encerrado durante alguns meses, tendo reaberto uma parte no início de Outubro passado, faltando concluir os trabalhos do piso superior do edifício.

MERCADO É 'EX-LIBRIS' DE SETÚBAL

Construído em 1876, o mercado do Livramento, um dos 'ex-libris' da cidade de Setúbal, que só tinha sido objeto de obras de requalificação em 1930, foi sujeito a uma remodelação total, incluindo novas infraestruturas de abastecimento de água, instalação elétrica e rede de esgotos.
Com mais de 70 pontos de venda de peixe, o mercado do Livramento dispõe de muitos outros espaços para venda de fruta, produtos hortícolas, pão, queijo, flores e até de alguns espaços para a venda de mel.
A autarquia esperava ter concluída até ao final do ano passado a segunda fase dos trabalhos no mercado provisório, a futura área técnica que será dotada de uma zona de cargas e descargas, câmaras frigoríficas e de uma central de tratamento de lixo. Durante a execução dos trabalhos de requalificação, a Câmara de Setúbal prescindiu da cobrança de taxas a todos os concessionários do mercado do Livramento.

Sem comentários:

Enviar um comentário